» Rebocadores de Lisboa
 

Em baixo estão listados alguns dos rebocadores que operam ou já operaram no porto de Lisboa. Os rebocadores que, por terem sido sucateados ou vendidos para operar noutros portos já não navegam em Lisboa, têm o nome salientado a vermelho.

Nos dias de hoje, Lisboa é servida por duas empresas de reboques: a dinamarquesa Svitzer, parte do grupo também dinamarquês A.P. Møller-Mærsk, e a portuguesa Resistência, parte do grupo Lutamar sediado em Setúbal. Acrescente-se a Socarmar, do grupo E.T.E. que, entre outras empresas, detém também a Transinsular e os operadores portuários TCL e TCGL de Leixões, que possui um rebocador local para o reboque de barcaças e batelões.



Resistência (Grupo Lutamar)
 
Rua Vasco da Gama, 49, 1º - 2900-180 Setúbal
Telefones - 26 522 14 11; 26 522 77 01
Fax - 26 522 16 54
Email - lutamar@grupolutamar.com; resistencia@grupolutamar.com; resistencia.lisboa@grupolutamar.com

A empresa Resistência faz parte do grupo sadino Lutamar e opera em Lisboa os rebocadores do grupo. O grupo, que foi criado em 1994, possui e opera 10 rebocadores e 8 lanchas passa-cabos, dos quais 7 rebocadores e 3 lanchas operam regularmente em Lisboa para a empresa Resistência, criada em 2000.




ALA

Número IMO - 2223269
Número Oficial - LX-94-RC
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada -
Ano de Construção - 1922
Ano de Reconstrução e remotorização - 1971
Comprimento fora a fora - 22,30 m
Boca - 5,54 m
Pontal - 2,73 m
Calado - 3,00 m
Arqueação Bruta - 85,55 t
Máquina Principal - Motor Diesel Catterpiller de 850 cv
Esforço máximo de tracção - 8,5 t

O rebocador ALA é actualmente o rebocador mais antigo do Porto de Lisboa. Foi construído em Hamburgo para a CNN como DOURO PRIMEIRO.


ALERTA

Número IMO - 2223331
Número Oficial
- LX-76-RL
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada -
Comprimento fora a fora - 17,08 m
Boca - 4,30 m
Pontal - 1,91 m
Calado - 2,50 m
Arqueação Bruta - 33,08 t
Máquina Principal - Caterpillar 435 cv 1800 rpm
Esforço máximo de tracção - 7 t


BARRA DE SETÚBAL

Número IMO - 7002394
Número de Registo - S-46-RC
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada - EITL
Ano de Construção - 1970
Construtor - Dunston Shipyard, Kingston Upon Hull, Reino Unido (casco 866)
Arqueação Bruta - 307 t
Comprimento fora a fora - 35,59 m
Boca - 8,69 m
Pontal - 4,27m
Calado - 4,55 m
Bordo Livre - 600 mm
Máquina Principal - RUSTON&HORNESBY
Potência - 2460 HP a 460 rpm
Força de Tracção - 41 t
História - Shannon Tugs "GLENGARTH" [1970-2000], Resistência "BARRA DE SETÚBAL" [2000-2012]

Vendido em Dezembro de 2009 a Dick van der Kamp Shipsales, Holanda, com a máquina principal avariada. Chegou a Stellendam a 15 de Dezembro a reboque do MTS INDUS para ser reparado no estaleiro Maaskant Shipyard e posteriormente ser recolocado à venda no mercado. Acabou por ser desmantelado no estaleiro Van Heyghen, Ghent, Bélgica ainda como pertença da Lutamar e dado como abatido a 28 de Julho de 2012.


BEN EADAR

Número IMO - 7305875
Número MMSI 577060000
Número Oficial - ??-??-??
Bandeira - Vanuatu
Porto de Registo - Port Villa
Sinal de Chamada -  YJRS9 
Ano de Construção - 1973
Construtor -  Richard Dunston, Hessle, Reino Unido 
Arqueação Bruta - 198 t
Comprimento fora a fora - 29 m
Boca - 9 m
Calado - 4,1 m
Máquina Principal - 2 x MWM TRH435S
Potência - 2 x 550 BHP a 450 rpm
Sistema Propulsor - Voith Schneider
Velocidade máxima - 9,7 nós
Força de Tracção - 17 t

Ex-rebocador do Porto de Dublin BEN EADAR, cujo nome original de baptismo foi dado em horna a um dos muitos bairros dos suburbios de Dublin. Este rebocador, com quase 40 anos de história, chegou a águas sadinas a 23 de Junho de 2012. Antes da sua viagem para Portugal, a qual fez pelos seus próprios meios, esteve imobilizado fora de serviço por quase dois anos. Também a sua bandeira e porto de registo foram alterados durante o processo de venda. 

Navio ainda não registado em Portugal aquando da última actualização deste artigo.


CABO GIRÃO

Número IMO - 5402019
Número Oficial - S-56-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Setúbal
Sinal de Chamada - CSBO
Ano de Construção - 1963
Construtor - Estaleiros Navais do Mondego
Arqueação Bruta - 183 t
Arqueação Líquida - 21 t
Comprimento fora a fora - 29,58 m
Boca - 8,11 m
Calado - 4,1 m
Máquina Principal - 2 x MWM TRH435S
Potência - 2 x 550 BHP a 450 rpm
Sistema Propulsor - Uma linha de veio com hélice de passo variável em tubeiras Kort
Velocidade máxima - 11 nós
Força de Tracção - 12 t
Capacidade de combustível - 41 m3
Equipamentos de convés - Gato de reboque, cabrestante


DANADO

Número IMO - 6802931
Número Oficial - LX-102-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada -
Ano de Construção -  1969 (convertido em 1993)
Construtor -  Cantiery Navale Campanella, Savona, Itália
Arqueação Bruta - 192,78 t
Arqueação Líquida -
Comprimento fora a fora - 28,50 m
Boca - 8,52 m
Calado - 3,80 m
Máquina Principal - 2 x Deutz MWM SBV8M 536
Propulsão - Voith Schneider tipo A24 E/150
Potência - 2000 BHP
História - Autoridade Portuária de Palermo "INDIA" (-2012), Lutamar "DANADO" (2012-presente)

Chegou pela primeira vez a Lisboa a 12 de Fevereiro de 2012, vindo de Tarragona. A 21 de Maio de 2012, entrou na doca flutuante da Arsenal do Alfeite para inspeção, tratamento da superfície do casco e trabalhos de fundo.



ESTALEIRO DA ROCHA

Número IMO - 2223710
Número Oficial - LX-92-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada -
Ano de Construção - 1964
Construtor -
Arqueação Bruta - 12 t
Arqueação Líquida - 9 t
Comprimento fora a fora - 11,75 m
Calado - 1,36 m
Potência - 170 bhp

A embarcação ESTALEIRO DA ROCHA é uma lancha passa-cabos e não um rebocador. Já pertenceu à Svitzer Lisboa.


LUTAMAR

Número IMO - 6600034
Número Oficial - S-19-RC
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada - CSMF
Ano de Construção - Janeiro 1966
Construtor
- Richards Shipbuilders Ltd, Lowestoft, Reino Unido
Casco - nº 483
Arqueação Bruta - 160,74 t
Porte Bruto - 304 t
Comprimento fora a fora - 25,58 m
Boca - 7,19 m
Pontal - 2,97 m
Calado - 4,00 m
Máquina Principal - Lister Blackstone 1306cv 750 rpm
Esforço máximo de tracção - 20 t
HistóriaR. & J.H. Rea Ltd "BUTEGARTH" [1966-1970], Cory Ship Towage Ltd "BUTEGARTH" [1970-1985], Cory Towage Ltd "BUTEGARTH" [1985-1989], Arklow Shipping Ltd "BUTEGARTH" [1989-1990], Arklow Shipping Ltd "AVOCA" [1990], "Fluvialsado Lda "LUTAMAR" [1990-1995], Transportes Fluviais do Sado Lda "LUTAMAR" [1995-2005], Lutamar "LUTAMAR" [2005-presente]

PASSACABOS

Número IMO - 2223931
Número Oficial - LX-96-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada -
Casco - Alumínio
Arqueação Bruta - 3,80 t
Comprimento fora a fora - 7,02 m
Boca - 3,10 m
Pontal - 0,75 m

A embarcação PASSACABOS é uma lancha passa-cabos e não um rebocador.


S. VICENTE

Número IMO - 2223389
Número Oficial - S-79-RC
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Setúbal
Sinal de Chamada - CSME
Ano de Construção - 1960
Arqueação Bruta - 156 t
Comprimento fora a fora - 29,37 m
Boca - 7,60 m
Pontal - 3,26 m
Máquina Principal - 1 x Ruston & Hornsby 8 cilindros
Potência - 1 x 870 BHP
História - R. & J. H. Rea Ltd. "AVONGARTH" [1960-1970], Cory Ship Towage "AVONGARTH" [1970-1989], Holt Associates International "TIVERTON " [1989-1990], Bolinhas e Bolinhas "GALITO" [1990-1996], Lutamar "S. VICENTE" [1996-2005]

Desmantelado em 2005.


SAFADO

Número IMO - 7004732
Número Oficial - LX-101-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada - CUJV
Construtor - Argibay, Sociedade de Construções Navais e Mecânicas, Alverca, Portugal
Ano de Construção - 1969
Arqueação Bruta - 123
Comprimento fora a fora - 25,76 m
Boca - 7,42 m
Pontal - 3,00 m
Calado -
Máquina Principal -
Potência - 1192 kW
Velocidade - 11,5 nós
Força de Tracção - 14 t
História - APDL "MONTE DA LUZ" (1969-2011), Lutamar "SAFADO" (2011-presente)


SEZÕES

Número IMO - 6411299
Número Oficial - S-40-RC
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Setúbal
Sinal de Chamada - CSKK
Ano de Construção - 1964
Arqueação Bruta - 207 t
Comprimento fora a fora - 31,13 m
Boca - 8,62 m
Pontal - 3,53 m
Calado - 4,20 m
Máquina Principal - 2 x RUSTON&HORNESBY
Potência - 1500 HP a 650 rpm
Força de Tracção - 24 t
História - "BEECHGARTH", "MOUNTS BAY", "GYM", "ROXANNE" [ -2000], Lutamar "SEZÕES" [2000- ]


TEIMOSO

Número IMO - 5032204
Número Oficial - S-51-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Setúbal
Sinal de Chamada -
Construtor - Bodewes Binnenvaart, Millingen, Holanda
Ano de Construção - 1961
Arqueação Bruta - 168 t
Arqueação Líquida - 50 t
Comprimento fora a fora - 28,86 m
Boca - 8,39 m
Pontal - 3,48 m
Calado -
Máquina Principal -
Potência - 1692 kW
Velocidade - 11,5 nós
Força de Tracção -
História - "AZIE" (1961-1973), "AZIEBANK" (1973-1982), "GUNARD" (1982-1986), "WELLINGTON" (1986-2005), Lutamar "TEIMOSO" (2005-presente)


TÚBAL

Número IMO - 2224128
Número Oficial - LX-3204-TL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada -
Ano de Construção -
Arqueação Bruta - 7,13 t
Comprimento fora a fora - 10,06 m
Boca - 2,69 m
Pontal -
Calado -
Máquina Principal - 1 x Perkins
Potência - 58 HP
Força de Tracção -
História -

Esta lancha já esteve registada em Setúbal, tendo então o número oficial S-1102-AL.


VALENTE

Número IMO - 7015901
Número Oficial - LX-37-RC
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSYDA
Ano de Construção - Julho de 1970
Construtor - Richard Dunston Ltd, Hessle, Reino Unido
Arqueação Bruta - 262 t
Arqueação Líquida - 78 t
Porte Bruto - 170 t
Comprimento fora a fora - 32,03 m
Comprimento entre perpendiculares - 28,96 m
Boca - 8,84 m
Pontal - 4,88 m
Calado - 3,96 m
Máquina Principal - 1 x Ruston-Paxman 9ATCM 4 tempos de 2510 HP (2797 kW)
Sistema Propulsor - Linha de veios com hélice em tubeira Kort e Leme
Esforço máximo de tracção - 41,5 t
História - J.H. Pigott & Son Ltd "LADY SARAH" [1970-1972], Humber Tugs Ltd "LADY SARAH" [1972-1991], "LADY ALMA" [1991], Gumersindo Junquera S.L. "NALON" [1991-2008], Lutamar "VALENTE" [2008-presente]


ZEZITO

Número IMO - 2223555
Número Oficial - LX-86-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Sinal de Chamada -
Arqueação Bruta - 16,06 t
Arqueação Líquida - 4,82 t
Comprimento fora a fora - 11,22 m
Boca - 3,26 m
Pontal - 1,36 m
Calado - 2,20 m
Máquina Principal - 1 motor Diesel Cummins 190 bhp a 1800 rpm
Força de tracção máxima - 4 t


Socarmar (Grupo E.T.E.)
 
Largo do Corpo Santo, 21, 1200-129 Lisboa
Telefones - 21 112 80 17
Fax - 21 112 80 14
Email - adias@socarmar.pt; ca@socarmar.pt

A Socarmar é uma empresa operadora portuária especializada na estiva e desestiva de granéis sólidos (quer de origem alimentar quer de origem mineral) no Porto de Lisboa, estando apta a descarregar navios de grande porte com gruas para parcaças ou batelões e para proceder à sua posterior descarga para terra. Para o reboque das barcaças / batelões, possui dois rebocadores, um deles, o AJAX, construído propositadamente para esta empresa em 1978. O outro é o CANOPUS. 



AJAX

Número IMO - 7407099
Número Oficial - B-17-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Barreiro
Indicativo de Chamada -
Ano de Construção - 1978
Construtor - Argibay, Sociedade de Construções Navais e Mecânicas, Alverca, Portugal
Casco - nº 134
Comprimento fora a fora - 27,59 m
Comprimento entre perpendiculares - 24,52 m
Boca - 7,70 m
Pontal - 3,79 m
Calado - 2,80 m
Arqueação Bruta - 146 t
Arqueação Líquida - 34 t
Máquina Principal - 1 x Deutz RSBA8M528 de 8 cilindros

CANOPUS

Número IMO -
Número Oficial - B-11-RL
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo
- Barreiro
Sinal de Chamada
-
Ano de Construção
-
Construtor
-
Comprimento de fora a fora
- 19,9 m
Boca -
Pontal -
Calado -
Arqueação Bruta - 58 t
Arqueação Líquida -
Tripulantes -
Capacidade de água doce -
Capacidade de combustível -
Máquina Principal -
Sistema Propulsor -
Velocidade máxima -
Força de Tracção -
Equipamento do Convés -
Sistema de Combate a Incêndios -
Rádios e Ajudas à Navegação -
História -

TRITON

Número IMO -
Número Oficial -
Bandeira
- B-20-RL
Porto de Registo
-
Sinal de Chamada
-
Ano de Construção
-
Construtor
-
Comprimento de fora a fora
-
Boca -
Pontal -
Calado -
Arqueação Bruta -
Arqueação Líquida -
Tripulantes -
Capacidade de água doce -
Capacidade de combustível -
Máquina Principal -
Sistema Propulsor -
Velocidade máxima -
Força de Tracção -
Equipamento do Convés -
Sistema de Combate a Incêndios -
Rádios e Ajudas à Navegação -
História -

A 26 de Agosto de 2012, foi embarcado no navio TERN da empresa de Heavy Lifting Dockwise em conjunto com a grua flutuante MESTRE JANOTA e um batelão, para dar início à actividade do grupo ETE na Colômbia. As três embarcações viram o seu registo alterado e irão operar na carga de carvão no porto de Santa Marta.

Svitzer Lisboa S.A.
Gare Marítima da Rocha do Conde de Óbidos, 1350-352 Lisboa
Telefones - 21 394 28 80; 93 806 77 22
Fax - 21 394 28 89

A Svitzer é uma empresa internacional cuja área de negócios é o reboque portuário e marítimo de navios, transporte de tripulações e mantimentos de e para plataformas offshore e também actividades de segurança e prevenção marítima (como combate a incêndios, limitação de derrames ou governo de navios com manobrabilidade condicionada). Foi fundada em 1833 e em 1979 foi adquirida pelo Grupo A.P. Møller-Mærsk. Em 2001 adquire a Wijmuller, uma companhia holandesa especialista em operações de salvamento, passando a chamar-se SvitzerWijmuller. Em 2007 adquirem a australiana Adsteam e o grupo volta a chamar-se Svitzer.

Opera hoje em mais de 50 portos espalhados por 35 países, incluindo Amesterdão, Belfast, Felixtowe ou Lisboa. A sua frota é composta por mais de 100 rebocadores portuários (de onde se incluem os 5 que operam em Lisboa), 6 rebocadores de alto-mar e 112 rebocadores especializados no reboque de navios LNG e petroleiros assim como no auxílio à amarração offshore.

Em Maio de 2005, a Svitzer adquiriu a LisbonTugs, antiga empresa de reboques lisboeta fundada pela Rebonave, Rebocális (do grupo Lisnave) e Rui Sousa Cruz. O responsável do grupo em Lisboa, Lex Van deer Schaff, não se acanha, no entanto, ao afirmar que a Svitzer Lisboa é uma empresa poprtuguesa que faz parte de um grupo estrangeiro, sendo que todos os seus empregados, à excepção do próprio, são portugueses.

Aquando da primeira escala de navios de cruzeiro em Lisboa, tem sido tradição ver um par de rebocadores da Svitzer devidamente embandeirados a saudar esse mesmo navio com jactos de água e apitos, numa colaboração entre esta empresa e o porto onde opera.

A partir de Janeiro de 2013, a Svitzer passou a operar também em Sines, inicialmente com dois rebocadores de grande porte (aprox. 400 tons e 60 t de força de tracção), a pedido da MSC, o principal operador de contentores daquele porto alentejano.



CARAMUJO

Número IMO - 7218280
Número Oficial - LX-82-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSRM
Ano de Construção - 1972
Construtor - Estaleiros Navais de S. Jacinto, Aveiro
Casco - nº 92
Comprimento de fora a fora - 30,90 m
Boca - 8,50 m
Pontal - 4,45 m
Calado - 3,95 m
Arqueação Bruta - 258,30 t
Arqueação Líquida - 30,93 t
Tripulantes - 8
Capacidade de água doce - 15 m3
Capacidade de combustível - 70 m3
Máquina Principal - MWM tipo TBD 500-8E de 2200 BHP a 450 rpm
Sistema Propulsor - Linha de veios com hélice de 4 pás fixas em tubeira Kort
Velocidade máxima - 13 nós
Força de Tracção - 33,7 t
Equipamento do Convés - Gato de reboque, Molinete, Cabrestante
Sistema de Combate a Incêndios - 400 m3 / h
Rádios e Ajudas à Navegação - VHF (2), Radar, Sonda
História - Lisnave "CARAMUJO" (1970-2000), Lisbontugs "CARAMUJO" (2000-2005), Svitzer Lisboa "CARAMUJO" (2005-2010), Epinosul "CARAMUJO" (2010-presente)

Vendido em Fevereiro de 2010 à Epinosul para operar em Cabinda. Navegou em Maio de 2010 pelos seus próprios meios, em conjunto com o MONTEVIL, até ao porto Angolano onde opera agora, ainda com o nome CARAMUJO. Entraram ao serviço simultaneamente em 11 de Junho de 2010.


CORROIOS

Número IMO - 7037246
Número Oficial - LX-13-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSWD
Ano de Construção - 1970
Construtor - Estaleiros Navais de S. Jacinto, Aveiro
Comprimento fora a fora - 30,90 m
Boca - 8,50 m
Pontal - 4,45 m
Calado - 3,95 m
Arqueação Bruta - 204,64 t
Arqueação Líquida - 61,39 t
Tripulantes - 16
Capacidade de água doce - 15 m3
Capacidade de combustível - 70 m3
Máquina Principal - MWM (sobrealimentado) Tipo TBRHS - 345 A de 2160 BHP a 450 rpm
Sistema Propulsor - Linha de veios com hélice de 4 pás fixas em tubeira KORT
Velocidade Máxima - 13 nós
Força de Tracção - 32,8 t
Equipamento do Convés - Gato de reboque, Molinete, Cabrestante
Sistema de Combate a Incêndios - 400 m3 / h 
Rádios e Ajudas à Navegação - VHF (2), Radar, Sonda
História - Lisnave "R3" (1970-2000), Lisbontugs "CORROIOS" (2000-2005), Svitzer Lisboa "CORROIOS" (2005-2007), Epinosul "CORROIOS" (2007-presente)

Este navio foi vendido em 2007 para a Epinosul, empresa de reboques de Luanda, Angola. Continua a chamar-se CORROIOS e opera no porto de Cabinda.


EMPURRA

Número IMO - 6802486
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSJK
Ano de Construção - Março de 1967
Construtor - Lisnave (Estaleiro da Rocha)
Comprimento de fora a fora - 24,95 m
Boca - 6,52 m
Pontal - 3,64 m
Calado - 3,34 m
Arqueação Bruta - 99,10 t
Arqueação Líquida - 17,91 t
Tripulantes - 4
Capacidade de água doce - 15 m3
Capacidade de combustível - 12 m3
Máquina Principal - MAN (sobrealimentado) Tipo G8V 30/45 de 1190 BHP a 400 rpm
Sistema Propulsor - Linha de veios com hélice de 4 pás fixas
Velocidade máxima - 11 nós
Força de Tracção - 13,3 t
Equipamento do Convés - Gato fixo Wilton, Molinete
Sistema de Combate a Incêndios - 150 m3 / h
Rádios e Ajudas à Navegação - VHF Sailor RT 2048 
História - Lisnave "R2" (1967-2005), Svitzer Lisboa "EMPURRA" (2005-????), Porto de Cabinda "COTRA" (????-presente)

Opera agora no porto angolano de Cabinda simultaneamente como rebocador e lancha de piloto com o nome COTRA. 


MONTADO

Número IMO - 7531292
Número Oficial -
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo
- Lisboa
Sinal de Chamada
- CSDL
Ano de Construção
- 1977
Construtor
- Richard Dunston (Hessle) Ltd
Comprimento de fora a fora
- 32,92 m
Boca - 9,15  m
Pontal - 4,90 m
Calado - 4,79 m
Arqueação Bruta - 277 t
Arqueação Líquida - 83 t
Tripulantes - 8
Capacidade de água doce - 13 m3
Capacidade de combustível - 94 m3
Máquina Principal - RUSTON PAXMAN DIESEL tipo 12 RK3CM 2070 BHP a 750 rpm
Sistema Propulsor - Linha de veios com hélice de 4 pás de passo variável em tubeira KORT
Velocidade máxima - 13 nós
Força de Tracção - 38,4 t
Equipamento do Convés - Guincho de reboque DONKIN c/ 732 m de cabo de 44 mm Ø, Molinete, Cabrestante
Sistema de Combate a Incêndios - 885 m3 / h
Rádios e Ajudas à Navegação - HF/MF ICOM/VHF/DSC Sailor, Radar Koden, Radar Raytheon, Navtex JCS, sonda Elliot, piloto automático Decca, GPS
História - Alexandra Towing Company "SUN KENT" (1977-1999), Lisbontugs "MONTADO" (1999-2001), Svitzer Lisboa "MONTADO" (2005-2006), Stadt Sjotransport "STADT TUG" (2006-presente)


MONTEBELO

Número IMO - 7128318
Número MMSI - 263601780
Número Oficial - LX-87-RL
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSLE
Ano de Construção - 1963
Construtor - N.V. Scheepswerven v/h. H.H.Bodewes, Millingen
Construção nº- 605
Comprimento de fora a fora - 26,35 m
Boca - 7,20 m
Pontal - 2,84 m
Calado - 3,34 m
Arqueação Bruta - 127 t
Arqueação Líquida - 38 t
Tripulantes - 8
Capacidade de água doce - 5 m3
Capacidade de combustível - 16 m3
Máquina Principal - 2 x Stork RHO 218K × 610 Potência - 1220 BHP a 680 rpm
Sistema Propulsor - 2 x Voith-Schneider tipo 20 E
Velocidade - 10 nós
Força de Tracção - 13,5 t
Equipamento do Convés - Gato de reboque com 25 t SWL (safe working load) + 1 x Cabrestante
Rádios e Ajudas à Navegação - 2 x VHF + 1 x Radar
História - N.V. Nieuwe Rotterdamse Sleepdienst "PANTER" (1963), N.V. Nieuwe Rotterdamse Sleepdienst "STROOMBANK" (1963-1988), Smit Havensleepdiensten B.V. "STROOMBANK" (1988-1999), Straits Towage "STRAITS II" (1999-2004) Lisbontugs "MONTEBELO" (2004-2005), Svitzer Lisboa "MONTEBELO" (2005-presente)


MONTEVIL
 
Número IMO - 7911416
Número Oficial - LX-26-RL
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSXF
Ano de Construção - 1983
Construtor - Setenave, Setúbal
Comprimento fora a fora - 33,36 m
Boca - 8,52 m
Pontal - 4,46 m
Calado - 3,95 m
Arqueação Bruta - 251,73 t
Arqueação Líquida - 30,93 t
Tripulantes - 8
Capacidade de água doce - 15 m3
Capacidade de combustível - 70 m3
Máquina Principal - MWM tipo TBD 500-8E de 2400 BHP a 500 rpm
Sistema Propulsor - Linha de veios com hélice de 4 pás fixas em tubeira KORT
Velocidade máxima - 13 nós
Força de Tracção - 38 t
Equipamento do Convés - Gato de reboque, Molinete, Cabrestante
Sistema de Combate a Incêndios - 400 m3 / h
Rádios e Ajudas à Navegação - HF/MF Skanti, VHF (2), Radar, Sonda, GPS, Navtex 
História - Lisnave "MONTEVIL" [1970-2000], Lisbontugs "MONTEVIL" [2000-2005], Svitzer Lisboa "MONTEVIL" [2005-2010], Epinosul "MONTEVIL" [2010-presente]

Vendido em Fevereiro de 2010 à Epinosul para operar em Cabinda. Navegou em Maio de 2010 pelos seus próprios meios, em conjunto com o CARAMUJO, até ao porto Angolano onde opera agora, ainda com o nome MONTEVIL. Entraram ao serviço simultaneamente em 11 de Junho de 2010.


NEIVA

Número IMO - 1721702
Número Oficial -
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSHR
Ano de Construção - 1974
Construtor - Astilleros de Murueta, Guernica, Espanha
Construção nº - 119
Arqueação Bruta - 178,68 t
Comprimento fora a fora - 27,17 m
Boca - 7,90 m
Pontal - 3,90 m
Calado - 3,30 m
Tripulantes
- 8
Capacidade de água doce - 56 m3
Capacidade de combustível - 113 m3
Máquina Principal - Burmeister & Wain 14V23HV 1750 BHP a 800 rpm
Sistema Propulsor - Linha de veios com hélice de 4 pás fixas em tubeira Kort
Velocidade máxima - 12 nós
Força de Tracção - 28,2 t
Equipamento do Convés - Gato de reboque, Molinete, Cabrestante
Sistema de Combate a Incêndios - 200 m3 / h
Rádios e Ajudas à Navegação - HF/MF, VHF (2), Radar (2)
História - "PUNTA TAMBO" [1974-2000], Lisbontugs "NEIVA" [2000-2005], Svitzer Lisboa "NEIVA" [2005-2006], Stadt Sjøtransport AS "STADT ASSISTER" [2006-presente]

Vendido à SG Finans AS, Noruega. A empresa está baseada em Svelgen e opera uma frota de 5 rebocadores na região do Cabo Stadt, o cabo mais ocidental da Noruega. Além do NEIVA, também o antigo MONTADO opera para este armador com o nome STADT TUG. 


NIPON

Número IMO - 7124049
Número Oficial -
Bandeira - Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada - CSYB
Construtor - Kanagawa Shipbuilding, Kobe, Japão
Ano de Construção - 1971
Comprimento de fora a fora - 31,00 m
Boca - 8,40 m
Pontal - 4,50 m
Calado - 3,92 m
Arqueação Bruta - 194,28 t
Arqueação Líquida - 55,25 t
Tripulantes - 8
Capacidade de água doce - 14 m3
Capacidade de combustível - 81 m3
Máquina Principal - 2 x Hanshin Nainenki tipo 6 LUD 32, 2 x 1500 BHP a 340 rpm
Sistema Propulsor - Duas linhas de veios com hélices de 3 pás de passo variável em tubeiras Kort
Velocidade máxima - 13 nós
Força de Tracção - 45,0 t
Equipamento do Convés - Guincho hidráulico de 45 t com 800 m de cabo de 40 mm Ø, Gato de reboque para 45 t, Molinete
Sistema de Combate a Incêndios - 540 m3 / h
Rádios e Ajudas à Navegação - GMDSS Área A2, Radar, Sonda, piloto automático, GPS
História - "ISUZO MARU" [1971-1979], Socarmar "NIPON" [1979- ], Lisbontugs "NIPON" [ -2005], Svitzer Lisboa "NIPON" [2005-2007], Noha Marine Services "NOHA PRIDE" [2007-presente]

Vendido, em meados de 2007, para a Índia. Nome alterado para NOHA PRIDE.


PIEDADE

Número IMO - 2223526
Número Oficial - LX-69-RC
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo - Lisboa
Indicativo de Chamada -
Comprimento de fora a fora - 13,50 m
Boca - 4,12 m
Arqueação Bruta - 32 t
Arqueação Líquida - 7 t

A embarcação PIEDADE é uma lancha passa-cabos e não um rebocador. 


RIO COA

Número IMO - 8000848
Número Oficial - LX-33-RC
Bandeira
- Portugal

A embarcação RIO COA é uma lancha passa-cabos e não um rebocador.






SVITZER AVEIRO

Número IMO - 9229491
Número MMSI - 263601990
Número Oficial - LX-39-RC
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo
- Lisboa
Sinal de Chamada
- CSYL3
Ano de Construção - 2002
Construtor - Damen Shipyard Gorinchem, Gorinchem, Holanda (Casco construído por Zvezdochka Shipyard, Rússia)
Casco nº -
Arqueação Bruta - 176 t
Comprimento fora a fora - 26,09 m
Boca - 7,94 m
Pontal - 4,05 m
Calado - 3,65 m
Máquina Principal - 2 x Caterpillar 3512 TA
Potência - 2 x 1776 BHP @ 1600 rpm
Velocidade máxima - 12,7 nós
Força de Tracção - 50 t
História -  "ESBJERG 1" (2002-2008), Svitzer Marine Trinidad & Tobago "SVITZER APURE" (2008-2010 - - Call Sign YYV2928), Svitzer Lisboa "SVITZER APURE" (2010-2011), Svitzer Lisboa "SVITZER AVEIRO" (2011-2013), Epinosul "EPI SUCESSO 3" (2013-presente)

O navio foi alvo de uma profunda reparação em Janeiro de 2010 no estaleiro Maritime Preservation em Port of Spain, antes da viagem transatlântica rumo a Lisboa, onde chegou no dia 6 de Junho de 2010. Apenas transitou para registo Português em 16 de Maio de 2011.Foi vendido em 2013 à Epinosul, empresa de reboques de Luanda, tendo zarpado de Lisboa a 27 de Julho de 2013 já com o novo nome de EPI SUCESSO 3


SVITZER FUNCHAL

Número IMO - 8741255
Número MMSI - LX-121-RC
Número Oficial - 263602556
Bandeira - Portugal
Porto de Registo
- Lisboa
Sinal de Chamada
- CSYR9
Ano de Construção - 1988
Construtor - Batservices Verft - Mandal, Noruega
Casco nº. - 674
Arqueação Bruta - 429 t
Comprimento fora a fora - 33,3 m
Comprimento entre perpendiculares - 29,95 m
Boca - 10,0 m
Pontal - 5,60 m
Calado -  5,02 m
Máquina Principal -
Potência - 4300 BHP
Velocidade máxima - 13 nós
Força de Tracção - 57 t
História - "TENAX" (1988-JAN2003), "LAVAN" (JAN2003-NOV2011), "SV LAVAN" (NOV2011-NOV2012), Svitzer "LAVAN" (NOV2012-AGO2013), Svitzer Lisboa "SVITZER FUNCHAL" (AGO2013-presente)

Chegou a Lisboa a 24 de Maio de 2013 e esteve sob grandes intervenções até Outubro do mesmo ano. Aquando da sua chegada, falava-se em ser baptizado SVITZER EUROMED (nome do terminal onde a MSC opera em Sines), mas apenas em Agosto passou a ostentar o novo nome de SVITZER FUNCHAL. Apesar de ter Lisboa como porto de registo, espera-se que opere em conjunto com o SVITZER MADEIRA no porto de Sines, onde a Svitzer Lisboa começou a operar em Janeiro de 2013. Resta a dúvida se, com a ida do SVITZER FUNCHAL para Sines o SVITZER SETÚBAL regressará a Lisboa.


SVITZER LEIXÕES

Número IMO - 8000848
Número Oficial - LX-33-RC
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo
- Lisboa
Sinal de Chamada
- CSXW6
Ano de Construção - 1981
Construtor - Tille Scheepsbouw BV - Kootsterltille
Arqueação Bruta - 255 t
Comprimento fora a fora - 28,81 m
Comprimento entre perpendiculares - 27,01 m
Boca - 9,63 m
Pontal - 3,65 m
Calado - 4,68 m
Máquina Principal - 2 x Motores Bolnes 8DNL 150/600 de 8 cilindros
Potência - 2400 BHP
Velocidade máxima -
Força de Tracção - 40 t
História - NV Reederij v/h Gebroeders Goedkoop "GRONINGEN" [1980-1987], Willem Muller Nederland BV "GRONINGEN" [1987-1990], NV reederij v/h Gebroeders Goedkoop [1990-1999], Phildeco "GRONINGEN" [1999-2000], Svitzer Amsterdam "GRONINGEN" [2000-2005], Svitzer Lisboa "SVITZER LEIXÕES" [2005-presente]


SVITZER LISBOA

Número IMO - 8117495
Número Oficial - LX-32-RC
Bandeira
- Portugal
Porto de Registo
- Lisboa
Sinal de Chamada
- CSXW7
Ano de Construção - 1982
Construtor - Tille Scheepsbouw, Kootstertille
Arqueação Bruta - 251 t
Comprimento fora a fora - 28,53 m
Boca - 9,33 m
Pontal - 4,37 m
Calado - 3,75 m
Potência - 2400 BHP
Velocidade máxima - 12 nós
Força de Tracção - 40 t
História - "BRABANT" (1982-1990), "AJAX" (1990-1999), Wijsmuller Havensleepdiensten "BRABANT" (1999-2005), Svitzer Lisboa "SVITZER LISBOA" (2005-presente)



SVITZER SINES

Número IMO - 8513754
Número MMSI - 263601890
Número Oficial - LX-38-RC
Bandeira
 - Portugal
Porto de Registo
 - Lisboa
Sinal de Chamada
 - CSYI4
Ano de Construção - 1986
Construtor - Richards Shipbuilders, Great Yarmouth, Reino Unido
Casco nº - 573
Arqueação Bruta - 251 t
Comprimento fora a fora - 28,80 m
Boca - 9,05 m
Pontal - 4,67 m
Calado - 4,06 m
Potência - 3440 BHP
Velocidade máxima - 13 nós
Força de Tracção - 40 t
História - Adsteam Marine "BRIGHTWELL" (1986-2007), Svitzer Marine "SVITZER BRIGHTWELL" (2007-2010), Svitzer Lisboa "SVITZER SINES" (2010-presente)
   Login

User
Password
Relembrar Login
 
» Registe-se aqui !

   Pesquisa

Pesquisa avançada
   Sabia que...?

Se todos os contentores existentes no mundo fossem alinhados, criar-se-ia uma parede com 108.000 km de extensão? Trata-se de um terço da distância que separa a Terra da Lua, o equivalente a 18 Grande Muralhas da China juntas ou 2,7 vezes o perímetro equatorial terrestre.

   Foto aleatória


© 2004-2014 Transportes XXI — Transportes & Mobilidade, todos os direitos reservados.
Os conteúdos presentes neste portal são da exclusiva responsablidade dos seus autores.
Acerca do Transportes-XXIMapa do portalContacto
desenvolvimento
desenvolvido por AlojamentoVivo