» Exploração Comercial

A exploração comercial de um sistema ferroviário envolve três grandes temas: a Infraestrutura disponibilizada, a operação comercial dos comboios e a regulação do sector, permitindo a liberalização do acesso à infraestrutura e a concorrência justa entre operadores.




Transpraia - O Comboio da Caparica
A história do Transpraia remonta a um periodo em que a Costa da Caparica não era ainda um destino de eleição e conhecida um pouco por todo o mundo, pelos seus belos areais. E esse é o principal facto que origina o aparecimento deste emblemático marco turístico. Nos anos 50 surgem dois industriais da região, Canas Cardim e Casimiro Pinto que decidem apostar no turismo.


 
CP Longo Curso: A frota de material motor em 2007
Um dos efeitos da sectorização das actividades da CP, foi a divisão do material motor disponível, sendo afecto às várias unidades então criadas. Actualmente, todo o material circulante da CP pertence à CP Frota, que o aluga e afecta às diversas unidades de negócio, consoante as necessidades de cada uma delas. E são as unidades afectas à CP Longo Curso que aqui nos interessam.



Serviço Intercidades: A maioridade, 1988 - 2006
De 1988 a 2006, o serviço Intercidades ganhou uma notoriedade na sociedade portuguesa que é inegável nos dias de hoje. As premissas mantêm-se actuais, as alterações foram muitas e profundas desde o seu início, e são ainda hoje, em pleno século XXI, uma referência no transporte de longo curso em Portugal. Aqui fica um olhar sobre os 18 anos do serviço Intercidades.

 

Carruagens Grill Express, Série 88-70
Com o início e forte crescimento do tráfego TGV na década de 80, as Grill Express conhecem uma profunda agonia. É então em 1989 que a CP compra 4 carruagens Grill Express à SNCF. As carruagens são adaptadas para circular em território ibérico. A transformação é feita nas oficinas de Lisboa Santa Apolónia, sendo o bogie Y28 de origem trocado por um Y32 de bitola ibérica.



Locomotivas Eléctricas de Via Larga, Série 4700
O Transportes XXI orgulha-se de vos apresentar, em primeira mão, as novas locomotivas eléctricas da série 4700, cujos primeiros exemplares deverão, se tudo correr como previsto, rodar em Portugal em 2008.A CP entrou no ano 2006 com sérios problemas operacionais no sector das mercadorias.



A Linha do Douro....
A linha do Vale do Douro tem a sua origem na estação de São Bento, bem no coração do Porto, segunda cidade portuguesa. Esta estação, construída em 1916, tem uma magnífica colecção de azulejos, da autoria de Jorge Colaço. A linha sobe para Campanhã, a estação mais importante da cidade, e onde a linha do Norte, vinda de Lisboa, tem o seu terminus.



Material Motor CP
O parque motor da CP - Comboios de Portugal, EP, divide-se em vários tipos. Existem locomotivas diesel e eléctricas de bitola larga (1668 mm), automotoras eléctricas de via larga, e automotoras diesel de via larga e via estreita (1000 mm). Seguidamente, apresentamos todas as séries de material motor da empresa que se encontram no activo actualmente.



   Login

User
Password
Relembrar Login
 
» Registe-se aqui !

   Pesquisa

Pesquisa avançada
   Sabia que...?

O maior navio do Mundo, JAHRE VIKING, tinha mais de 400 metros de comprimento e capacidade para mais de 564 000 toneladas de crude? Hoje funciona como a FPSO KNOCK NEVIS para uma plataforma de exploração petrolífera no Yemen.

   Foto aleatória


© 2004-2014 Transportes XXI — Transportes & Mobilidade, todos os direitos reservados.
Os conteúdos presentes neste portal são da exclusiva responsablidade dos seus autores.
Acerca do Transportes-XXIMapa do portalContacto
desenvolvimento
desenvolvido por AlojamentoVivo