» Automotoras Eléctricas de Via Larga da Série 2240


Ano de Entrada ao Serviço: 2003
Número de Unidades Construídas: 57 (2241 – 2297)

Construtores:

Partes Mecânicas: Sorefame
Equipamento Eléctrico de Tracção: Alstom
Transmissão: Alstom

Potência: ---- cv
Velocidade Máxima: 120 km/h

Estas automotoras são o fruto da renovação das Unidades Triplas Eléctricas das séries 2100, 2150 e 2200, das quais não sobrou nenhum exemplar em estado de origem. Nasceram do desejo da CP dar um novo impulso às relações regionais na rede electrificada, dotando as automotoras de climatização, interiores mais agradáveis e serviços modernos, uma condução melhorada e uma maior racionalização dos consumos energéticos.

Renovadas na íntegra pela Alstom nas oficinas das carruagens no Entroncamento, as 2240 conheceram inícios de carreira complicados, frutos de problemas informáticos aliados à formação que ainda decorria para os maquinistas.

Actualmente, com o parque completamente estabilizado no que toca a incidentes de exploração, as 2240 cumprem com uma fiabilidade bastante boa as tarefas que lhes são incumbidas de norte a sul do país. Existe já uma automotora retirada de serviço, a 2279, que ficou com uma das frentes desfeitas ao embater num camião, numa passagem de nível na linha da Beira Alta.

Em condições normais, estas automotoras podem durar mais 15 anos em serviço comercial.


   Login

User
Password
Relembrar Login
 
» Registe-se aqui !

   Pesquisa

Pesquisa avançada
   Sabia que...?

A ETG foi a primeira empresa a adquirir o Mercedes-Benz Intouro?

   Foto aleatória


© 2004-2014 Transportes XXI — Transportes & Mobilidade, todos os direitos reservados.
Os conteúdos presentes neste portal são da exclusiva responsablidade dos seus autores.
Acerca do Transportes-XXIMapa do portalContacto
desenvolvimento
desenvolvido por AlojamentoVivo